As cegas eu diria que era um Pinot da Borgonha !

Quando eu bebo um varietal de Pinot Noir, independentemente da região em que foi produzido, fico tentando encontrar alguma semelhança com os Pinots da Borgonha, pois para mim, estes são sem a menor dúvida, os melhores do mundo .

Embora existam bons Pinots em outras partes do mundo, alguns  inclusive muito parecidos na cor e no aroma, na boca são completamente diferentes dos Borgonhas e  não é segredo para ninguém que a parte gustativa é a mais importante, para definição de um vinho.

photo1 (6)

Mas eis que hoje, neste segundo domingo de 2015, eu fui surpreendido por um Pinot Noir da Nova Zelândia,  o Sanctuary 2011, produzido na Região de Marlborough que me lembrou muito de um verdadeiro Borgonha, em todas as suas caraterísticas, talvez a sua acidez fique um pouquinho abaixo, mas no conjunto da obra era muito semelhante.

photo1 (5)

As cegas, eu diria que era um Pinot Noir da Borgonha !

2 comments for “As cegas eu diria que era um Pinot da Borgonha !

  1. Jorge Ducati
    12/01/2015 at 18:50

    Gostei muito desta avaliação. De fato, Pinots da Nova Zelândia podem ser muito bons. Agora, a prova às cegas sempre é uma lição de humildade. Ocorreria mesmo a confusão? Borgonhas há muitos, inclusive alguns muito ruins. O efeito de terroir não é à prova de uvas ruins ou elaborações fracas. Degustações às cegas que temos feito mostram que vinhos da Borgonha de média qualidade perdem-se em meio a Pinots de outras regiões. De qualquer modo, vou procurar este vinho!

  2. 12/01/2015 at 20:37

    Prezado Jorge Ducati
    Agradeço pelo comentário e pela ilustre visita ao blog! Aproveito a ocasião para parabenizá-lo, pelos ótimos vinhos de sua produção artesanal que eu já tive a oportunidade de beber duas ou três vezes e gostei muito !
    Um abraço
    Paulo Umpierre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *