Esclarecendo dúvidas na hora de comprar espumantes

Olá amigos !

Pesquisando junto ao setor de bebidas de alguns supermercados, constatamos que ainda existe um grande número de pessoas que possuem muitas dúvidas na hora de comprar  um espumante.

Com base nesta pesquisa, decidimos postar um informativo bem simples, para esclarecer as dúvidas mais frequentes destes consumidores.

TIPOS DE ESPUMANTES/GRAU DE AÇÚCAR/MÉTODOS DE PRODUÇÃO 

NATURE – Alguns espumantes com esta denominação, são totalmente sem adição de  açúcar, podendo chegar no máximo até 3 g/l (grama de açúcar por litro), conforme a legislação.

EXTRA BRUT– Este espumante pode conter  de 3 a 6 g/l de açúcar residual.

BRUT– O espumante BRUT, pode conter até 15 g/l de açúcar.

EXTRA SECO-Pode conter entre 12 e 17 g/l de açúcar residual natural.

SECO-Contém de 17 a 20 g/l de açúcar .

DEMI SEC (MEIO DOCE)– Este tipo de espumante, pode conter entre 30 a 50 g/l, são mais adocicados que os anteriores.

DOCE– também conhecidos na França como “DOUX” , podem ter açúcar residual acima de 60 g/l.

ESPUMANTE MOSCATEL– É considerado um espumante doce, produzido com a uva Moscatel. Ideal para acompanhar sobremesas, possui entre 65 a 75  gramas por litro.

PROSECCO-É um espumante elaborado com a uva de nome Glera ou Prosecco, como ainda chamamos aqui no Brasil e a sua segunda fermentação, ocorre  em tanques de inox pressurizados(Método Charmat).Existem 3 versões de Prosecco: Brut, que contém até 12 graus de açúcar residual natural, por litro; Extra Seco, com 12 a 17 g/l e  Seco, a versão mais rara, contendo entre 17 e 32 g/l .   

CHAMPAGNE– É um espumante produzido somente na região de Champagne na França e são elaborados pelo Método Champenoise ou Tradicional, quando a segunda fermentação ocorre dentro da garrafa.Também existem em versões mais secos e mais adocicados.

abcdpepitres

                            Foto de uma cave com produção de espumantes pelo método Champenoise.

MÉTODO CHAMPENOISE OU TRADICIONAL– Este método foi desenvolvido na França, onde a segunda fermentação ocorre dentro da própria garrafa e são normalmente utilizados em espumantes de qualidade superior, devido o seu processo artesanal.

MÉTODO CHARMAT-Quando a segunda fermentação acontece em grande tanques de inox pressurizados, normalmente utilizado na produção de espumantes mais leves e mais simples.

OUTRAS INFORMAÇÕES– Em alguns países, também existem espumantes, assim como a região de Champagne que possuem as suas denominações de origem. Na Espanha tem a Cava, na Itália a Franciacorta  e o Prosecco, em algumas regiões da França, existem os Cremant .

Fontes principais:Fazenda Santa Rita Vinhos Finos,Tintos e Tantos.  

Caso necessitarem de informações adicionais, estou a inteira disposição, através da nossa página no Facebook.

facebook.com/blogdoumpierre  – @blogdoumpierre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *