NÃO FIQUE EM PÂNICO FIQUE EM CASA

Prezados!

Comunicamos a todos que atendendo as determinações do Ministério da Saúde, estamos cancelando todas as nossas atividades sociais , tais como viagens, degustações, visitas a vinícolas, almoços e jantares,cursos encontros com amigos e outros similares.

Conforme recomendação das autoridades da saúde  pública, ficaremos em casa, até que a situação do Covid-19 seja normalizada.

As saídas esporádicas, serão apenas em lugares ao ar livre e sem aglomerações de pessoas.

Comunico também, que já estoquei vinhos para um período de 60 dias.(😀😀)

Estaremos orando, para que o Brasil consiga superar esta pandemia, em pouco tempo, assim como o Japão, Coréia do Sul, Cingapura e Hong Kong, mas para que isso ocorra, cada cidadão deve fazer a sua parte.

Para finalizar peço a todos que sigam os conselhos do Ministério da Saúde, compartilhem estas informações com seus amigos e ajudem a combater outro vírus terrível que é o Fake News.

Que Deus proteja a todos ! 🙏🏻🙏🏻

VINHO NÃO É PARA ENTENDER, É PARA SENTIR

Quem entra no salão de degustação da Vinícola Pizzato,na localidade de Santa Lúcia, no Vale dos Vinhedos, a primeira coisa que visualiza , é esta frase pintada na janela.

Para os menos avisados, pode parecer que é apenas uma frase de efeito, como tantas que são publicadas nas redes sociais, mas ao ler atentamente, vai constatar que se trata de uma mensagem que a vinícola quer passar sobre os seus vinhos.

Visito a Pizzato, desde que comecei a frequentar o Vale dos Vinhedos, no início dos anos 2000 e sou testemunha ocular da sua enorme evolução, tanto na qualidade dos seus vinhos e inovação de seus rótulos, quanto na melhoria da estrutura, para receber o enorme fluxo de enoturistas que lotam as suas dependências a cada ano.

Neste feriado de carnaval, passei 4 dias no Vale dos Vinhedos e como não poderia deixar de ser, fui novamente na Pizzato, desta vez a convite de Jane Pizzato, diretora comercial da vinícola que  fica sediada em São Paulo.

Para a minha sorte,fui recebido pela própria Jane que estava em visita a família e ainda conseguimos conversar, com seu irmão Flávio, enólogo responsável pela produção dos vinhos que estava totalmente envolvido com a vindima.

Inicialmente conhecemos os vinhedos de Merlot que estão aguardando mais alguns dias, para serem colhidas, na continuação, visitamos a pequena parcela da variedade Semillon, da qual a Pizzato é  pioneira e única no brasil a cultivar esta casta francesa e por fim, conhecemos as antigas videiras da variedade Egiodola, com mais de 30 anos de idade.

A safra 2020 está prometendo ser uma das melhores dos últimos anos, mas como diz Flávio Pizzato, isto só vai ser possível afirmar, depois do vinho na garrafa.

Outra novidade, é que está sendo construída uma pousada, com vista deslumbrante para o Vale dos Vinhedos, mas este investimento é uma parceria com terceiros.

Na sequência, retornamos à sala de degustação, onde provamos 14 rótulos, entre espumantes, brancos e tintos, da linha Pizzato e Fausto.

Acompanhados por uma tábua de vários tipos queijos da região.

Além dos queijos, a Pizzato também oferece aos seus clientes,opções de charcutaria, degustações verticais e outros modelos de degustação.

Os vinhos da Pizzato estão melhores a cada safra, difícil escolher apenas um, vai depender muito do paladar de cada pessoa.

Para o meu gosto, entre os espumantes, o meu preferido é o Vertigo Sur Lie, nos brancos o Semillon e o Legno Chardonnay estão empatados e entre os tintos, gostei muito do Egiodola.

É como diz a frase na janela do salão de degustações:

“Pizzato é Como o Amor, não se Entende, se Sente”

 

 

 

 

VISITE A SERRA GAÚCHA DE MOTORHOME

A Vinhos Por Ai, projeto inovador da jornalista gaúcha, Gisa Guerra, oferece aos enoturistas, a oportunidade de visitar as vinícolas da Serra Gaúcha, a bordo de um motor home.

Os roteiros e programações podem ser escolhidos pelo próprio turista ou pela empresa.

As viagens começam sempre pela manhã e o retorno é a noite, durante o trajeto de ida, é servido um belo café, acompanhado de frutas, pães, geleias e frios.

As refeições e degustações, serão nos restaurantes e vinícolas agendadas.

O veículo tem capacidade para até 5 pessoas e o valor de cada viagem é de R$1.500,00, com o café incluído. Os valores de degustações e refeições, deverão ser pagos pelo cliente, direto aos estabelecimentos. 

CÁRDENAS NATURE

Hoje foi dia de provar um espumante brasileiro, praticamente desconhecido do grande público.
Um show de aromas e borbulhas intensas,na boca é um Nature Raiz, bem seco, cremoso e acidez na medida certa!
O blend é composto por uvas Chardonnay (80%) e Pinot Noir(20%), cultivadas no Terroir de Mariana Pimentel, na Serra do Sudeste, há menos de 80 km de Porto Alegre.


O Espumante Cárdenas Nature, foi elaborado pelo método Champenoise e passou 24 meses em contato com as leveduras .
A produção é bem pequena, foram apenas 1.000 garrafas e o preço no mercado, gira em torno de 120 reais .
Não é um espumante para o dia a dia, mas vale a pena comprar uma garrafa, para comemorar um momento especial !!!

UMA BELA OPÇÃO PARA OS APRECIADORES DE ESPUMANTES

Ao apagar das luzes deste ano de 2019, tive a oportunidade de degustar pela primeira vez, um espumante brut, produzido pelo método champenoise, elaborado com a uva Goethe, cujo cultivo em escala industrial, se concentra no Sul de Santa Catarina, na região denominada, Vales da Uva Goethe,  primeira e única Indicação de Procedência, fora do Rio Grande do Sul.

A uva Goethe é um cruzamento de uvas viníferas europeias, na proporção de 87% e 13% de uvas americanas, as primeiras videiras foram trazidas dos Estados Unidos no final do século XIX, inicialmente para o interior de São Paulo e posteriormente para Urussanga em Santa Catarina, o nome é uma homenagem a Johann Wolfgang von Goethe, uma das figuras mais importantes da literatura alemã e do Romantismo europeu, nos finais do século XVIII e inicio do século XIX.

O Casa Del Nonno Brut Champenoise, é o primeiro espumante do mundo, elaborado com a uva Goethe, é produzido pela Vitivinícola Urussanga, localizada no centro da cidade que lhe empresta o nome.

Sua cor é amarelo palha, puxando para o dourado, o perlage é fino, de boa persistência, o aroma é predominantemente frutado, com notas de leveduras, na boca é delicioso, leve, refrescante e possui boa acidez.

É mais uma bela opção, para os apreciadores de espumante!!!

Desejo um excelente 2020 a todos os amigos que acompanharam a nossa página, ao longo do  ano que está findando!

FELIZ ANO NOVO!!!